Répteis são animais vertebrados de sangue frio, ou seja, a temperatura do seu corpo depende da temperatura ambiente, necessitando expor-se ao sol para regular sua temperatura corpórea. No caso das tartarugas são animais muito sensíveis e, ao contrario do que muitas pessoas afirmam, se estressam com muita facilidade.

Assim, é muito importante que a tartaruga tenha uma casa própria para ela, que tenha o seu território formado e que se sinta confortável no mesmo.

As tartaruguinhas podem ser criados em três ambientes distintos: pequenas fontes, aquaterrários provisórios e aquaterrários com sistema de filtragem da água.
Os três habitats devem ter sua maior parte coberta por água, pois esse tipo de réptil adora nadar.Um fato importante que vale ser lembrado é que elas apesar de no início de sua vida medirem 4cm podem chegar a 40 cm quando adultas, ou seja, a não ser que você as crie numa fonte, caixa d'água ou um grande aquaterrário você precisará trocar algumas vezes de aquário.


Por isso pense bem na quantidade de tartarugas que você deseja criar.

Onde Colocar o Aquaterrário?

A primeira coisa com a qual se preocupar é onde ficará o aquário, pois o mesmo deve ficar num local iluminado, porém, não muito quente. Outro fator A se preocupar é o barulho, pois as tartarugas possuem ouvido interno e são muito sensíveis ao som, portanto evite colocá-las junto a equipamentos como televisores e aparelhos de som.
Área Mínima, espaço mínimo para uma tartaruga deve conter cinco vezes a dimensão de sua carapaça e uma vez e meia a altura de seu casco em água, isto permite que elas vivam confortavelmente, caso você possua mais de um animal estas medidas devem ser aumentadas de acordo com o número de animais que você possui.

O aquaterrário deve ser montado visando o tamanho do animal adulto, mudanças de ambiente podem estressar seu animal.
Área Seca, o aquário deve possuir uma área seca, preferencialmente de areia ou cascalho fino, esta área deve ficar completamente fora da água, permitindo se possível, que o animal se esquente através de lâmpadas especiais ou pedras artificiais com aquecimento.
Iluminação

As tartarugas precisam principalmente de calor e luz do sol para se desenvolverem corretamente, isso faz com que estes animais sejam encontrados especialmente em regiões tropicais e subtropicais.

A iluminação pode ser feita com lâmpadas que forneça a radiação ultravioleta ou uma de lâmpada de 40w para o aquecimento. A temperatura do ambiente tem que ficar entre 20 a 30°C. Um temporizador pode ser utilizado para assegurar a correta quantidade de iluminação diária pertinente a cada tipo de animal (na maioria dos casos cerca de 20 minutos diários). Mesmo com toda a iluminação, alguns criadores ainda sugerem que você leve seu animal para tomar sol uma ou duas vezes por semana, conforme seja possível.
Filtragem

As tartarugas geralmente vivem em lagos com pouca movimentação de água (não há correnteza forte como os rios). Portanto, deve-se usar filtros próprios como o Duetto internal filter, Tetra Whisper in tank que possuem na sua saída de água adaptadores para que a água ao invés de entrar diretamente no aquário seja jogada neste através de uma mangueira fazendo com que a água não fique tão movimentada ficando mais agradável para os animais.

Outro fator preocupante em relação à filtragem do aquário de tartarugas é a amônia.



Quelônios aquáticos produzem dez vezes mais amônia que peixes, e esta amônia pode causar uma série de doenças. A solução neste caso é utilizar um removedor de amônia, existem muitos disponíveis no mercado, mas você deve preferir um que possa ser colocado no filtro como elemento a mais de limpeza.

A água do aquário de tartarugas também tende a ficar amarelada, tal fator ocorre em virtude da decomposição da albumina produzida pelos animais, esta coloração poderá ser amenizada através da utilização de carvão ativado que deverá funcionar também como removedor de odores provenientes do aquário.

Mesmo com tantos elementos de limpeza as trocas parciais não devem ser interrompidas, a limpeza do aquário irá garantir uma vida longa e confortável a seu animal.
Esconderijos, Rochas etc, às vezes as tartarugas gostam muito de se esconder, seja para brincar ou para ficarem sossegadas sem que ninguém as incomode. É importante fazer um esconderijo para sua tartaruga na parte aquática, este esconderijo pode ser feito com um pedaço de telha colocado no fundo do aquário, o importante é permitir que o animal consiga esticar a cabeça para fora da água de dentro dele e que ele caiba lá com folga, pois caso fique preso submerso irá morrer afogado.
Uma tartaruga em perfeitas condições possui sempre olhos brilhantes e sem secreções, sua carapaça está sempre firme e intacta, o seu nariz está sempre seco, demonstra interesse pela comida e caso não seja acostumada se defende quando é carregada.

Sites de Referência:




Matéria postada por:
Bianca Zupiroli
Av. Dr. Armando Sales de Oliveira, 730 Taquaral - Campinas SP CEP. 13076-015 Fone: +55 19 32949055 ou +55 19 19 32940644.Todos os direitos reservados.



Nós confiamos em Deus.