Iniciando a montagem de um aquário.



Basicamente o aquário estabilizado para você conseguir chegar neste nível não é necessário ter muitos conhecimentos, porém existe uma receita correta para seguir, então o grande problema dos aquaristas hoje em dia, é começar do jeito errado, primeiramente seria com o tamanho do aquário, normalmente começam com aquários pequenos com 30Lt. ou menos, e muitas das pessoas desistem do aquarismo, pois não conseguem ter sucesso com o mesmo.

Então o mínimo recomendado é um aquário de 120 litros, num primeiro momento temos que escolher o modelo do aquário, tem aquários importados feito em base de acrílico ou virdro, já vem com iluminação e filtragem embutida, e alguns outros acessórios, que tornam a manutenção muito mais simples.

Exemplo de um aquário lançamento com todos os acessórios para água doce e salgada


Aquário convencional que é possível manter peixes saudáveis precisa basicamente ter uma medida razoável, lembrando quanto menor o aquário, as reações químicas ocorrem com maior velocidade, então as pessoas não conseguem por inexperiência manter este aquário estável.

A internet é um ótimo meio, senão um dos mais difundidos até hoje sobre o aquarismo, existe 3 tipos de filtragem: química, mecânica e biológica.

Química temos o carvão ativado;
Mecânica temos a esponja ;
Biológica temos a cerâmica ou bio-glass;

Porém ainda existe no mercado filtros com aquelas placas pretas (ultrapassados) que se coloca no fundo do vidro antes de colocar o cascalho, é o método mais econômico, que terá resultado satisfatório.


Basicamente nada mais é que uma placa plástica, onde você encaixa no fundo do aquário, como quebra-cabeça, interessante cobrir 80% do fundo do aquário dessas placas, cheia de furinhos vazados, logo em seguida colocar cascalho, pouco cascalho você não consegue formar bactérias boas para o aquário decompor os detritos dos peixes, resto de rações e plantas mortas, o cascalho dever ter no mínimo 3 a 4 dedos, media seria de 10 a 15 cm, porém se o fundo for areia, ela passa pelos furinhos da placa biológica, impossibilitando de utilizá-la, intupindo os furos. Única solução usar filtro externo.

O filtro biológico tem uma placa diferente, que é chamada de redutor, esta placa forma uma torre, e nesta torre você irá encaixar canos de acrílico, e na ponta destes canos você ira colocar uma bomba submersa ou também com compressor de ar, porém a vantagem da bomba submersa é sua força de captação de água muito maior.

As placas concentram a captura de água que a bomba exerce pelo cano de acrílico, toda água do aquário obrigatoriamente tem que passar pelo cascalho, e quando a água passa pelo cascalho, pois esta circulando, passa por debaixo da placa preta, neste momento ela está sendo filtrada pelo cascalho, este sistema ajuda a decantar as sujeiras mais rápido. Conforme as bactérias anaeróbicas e aeróbicas (bactérias nitrificantes e denitrificantes) começam a se alojar no cascalho, que demora em torno de 40 dias, gradativamente ou pouco a pouco pode acrescentar peixes ao aquário novo. Para acelerar esse processo de colonização temos os produtos Cycle e Stress Zyme que contém colonias de bactérias.

AQUARISMO É PACIENCIA.

A bomba submersa irá variar dependendo do tamanho do aquário, aproximadamente num aquário de 120 litros, dependendo dos peixes que ira colocar, você utiliza uma bomba em torno 300 litros horas, as bombas que podemos indicar são: Sarlo Better 300, Boyu SP-1000, etc. Estas bombas além de ajudar na filtragem, irão ajudar na oxigenação do aquário.


As pedras decorativas dão um relevo, contorno no cascalho para não ficar um fundo batido, ajudando a ornamentar as plantas. As pedras não podem ser qualquer uma, pois são extremamente porosas podendo armazezar resíduos químicos mesmo depois de lavadas, e com isso não são próprias para aquário, sempre procure comprar de lojas especializadas em aquários.

As plantas basicamente têm duas opções: plantas artificiais (têm um grande diferencial), elas não morrem, tomando um grande cuidado na hora de escolher as plantas, porque tem que ser de seu gosto pois irá ficar um certo tempo com elas no aquário, de preferência se possível na loja em que estiver comprando seu aquário, ajudar na hora de escolher as plantas e enfeites.


Plantas naturais têm um porém, para viverem em perfeitas condições é necessário substrato próprios para as plantas, uma filtragem que não atrapalhe os substratos, no caso do filtro biológico interno ele não funciona. É necessário CO2, iluminação ideal para a planta sobreviver e ainda manter-se bonitas, aquários sem iluminação só plantas artificiais, com iluminação de lâmpadas fluorescente de marca confiável, você poderá pedir auxilio ao vendedor para que lhe mostre algumas plantas que suportem a baixa iluminação, pois existemdeiversos tipos de plantas. Temos que saber que existe perdas significantes de plantas naturais e as vezes é necessário trocar algumas que estão morrendo ou que já apodreceram.

O painel de fundo é aquele que colocamos tanto dentro como fora do aquário, dentro do aquário colado com silicone, que encontramos em diversas lojas especializadas de aquarismo, este silicone é “atóxico”, não tem nenhuma toxina, para não contaminar os peixes, temos que esperar 48 horas aproximadamente, para encher de água, e o painel fique colado.

Hoje em dia na prática, só colocamos os painéis na parte de fora do aquário com durex, havendo diversos tipos de paineis como preto, corais, etc. o painel não interfere em nada na vida do aquário.

A iluminação para um aquário comum de aproximadamente de 120 litros, uma lâmpada de 20 watts, é o suficiente, de marcas conhecidas como AquaGlo, LifeGlo, etc., com ESPECTRO adequado para aquários de água doce (seria uma foto da iluminação da lâmpada com uma câmera fotográfica especial, tiram estas fotos no estúdio, onde observam as escalas que esta lâmpada emite, sendo escalas que vai de ultravioleta ate infravermelho), assim podemos saber se e uma lâmpada boa para aquário marinho, plantas ou peixes.

O Aquecedor com termostato ajuda e muito na época do inverno para prevenir e ajudar a combater doenças, prevenindo que a temperatura não se altere constantemente, combatendo doenças aumentando a temperatura nas fases de tratamento.

Podemos recomendar que a pessoa coloque filtro externo, uma caixa onde tem uma bomba que fique pendurada fora do aquário, dentro deste filtro externo haverá filtragem química, biológica e a mecânica, é interessante saber a litragem exata do seu aquário para escolher o filtro ideal, pois o mesmo nunca deve trabalhar no limite ou seja, se na embalagem mostra que ele filtra um aquário de no máximo 70 Lt. e você tem um aquário de 120, sabe muito bem que esse filtro não servirá.


Temos que pensar em uma margem de segurança,ou seja o filtro deve sempre trabalhar com folga na litragem, então se você tem um aquário de 120Lt. comprará um filtro para 160 Lt. ou mais.

Algumas marcas de filtro externo: Tetra Wisper, Aqua Clear, Elite Hush, Atmam.


Outro sistema de filtragem é o sistema Canister basicamente seria um pote que você pode colocar dentro do móvel ou atrás do aquário, não ficando pendurado, é um filtro que tem duas mangueiras uma que a água entra no filtro na parte de captação da água do aquário e a outra é a mangueira que depois que fez a filtragem devolve para o aquário, o filtro Canister basicamente funciona com os mesmos princípios do filtro externo convencional, as vantagens que esse filtro apresenta é sua capacidade em acomodar elementos filtrantes dentro dele, esponja, carvão ativado, bio-glass (podemos ter muito mais biologia) e outros suplementos axuliliares, sendo que as bombas do Canister têm muito mais potência.

Algumas marcas de Canister: Fluval, Sera, Atman, Boyu e Jebo.

É interessante que compre Desclorificante (Aquasafe) ou de uma marca confiável, para realmente tenha certeza de que não só o cloro mas a cloramina e outros metrais pesados sejam eliminados da água que colocará no aquário.

Os peixes não devem ser colocados no mesmo dia em que se monta o aquário, o recomendado é esperar em torno de 40 dias para colocá-los no aquário, porém existe aditivos que dão um UP (acelera) de bactérias boas para o aquário, podendo colocar os peixes depois de uma semana, conhecendo o pH do seu aquário. E realizar o teste de amônia, que seria a concentração de sujeira no aquário, que a filtragem biológica não conseguiu consumir e começa a acumular no aquário.


Após chegar a sua casa com o aquário, começa colocando água da torneira ou do filtro, acrescenta então o Desclorificante enquanto enche o aquário, depois que o aquário estiver cheio ligue a bomba submersa, o Filtro externo ou Canister. É necessário que tanto o Filtro externo quanto o Canister estejam com água, pois não tem a capacidade de pegar água no vácuo, podendo queimá-los.

Matéria postada por:

Thiago Cruz
Av. Dr. Armando Sales de Oliveira, 730 Taquaral - Campinas SP CEP. 13076-015 Fone: +55 19 32949055 ou +55 19 19 32940644
Nós confiamos em Deus.