O que seria água salgada?

Pomachantus ciliaris


Nada mais do que água doce em concentrações de sais elevadas, por isso, significa água salgada. O aquário de água salgada, não é um aquário mais difícil de se cuidar, porém os cuidados com ele serão maiores, não sendo impossível de se cuidar. Lembrando que o recomendado não é começar com aquário pequeno, mas acima da média de 80 á 120 litros, no de água salgada preferencialmente começando com 120 litros.

O primeiro item seria o aquário sendo muito bem escolhido quando possivel, indicado por profissionais capacitados. Nós indicamos basicamente três tipos de aquários.

O primeiro seria o aquário convencional com travas centrais, a iluminação é concideravelmente filtrada pelas travas centrais que ficam no aquário para maior sustentação.

A segunda opção desse aquário marinho seria com um furo, que é encaixado um item chamado de Flang, sendo então chamado aquário de sexto vidro, isso porque o aquário tem cinco vidros ou lados (dois vidros laterais, um frontal , um na parte posterior e o assoalho no chão). Sendo então chamado aquário de sexto vidro, é composto por um furo embaixo do aquário, e esse furo é todo revestido por vidro até chegar na superfície do aquário. Normalmente são feitos dois furos um aonde a água desce, e um onde a água sobe. Porém podendo ser feito somente o furo aonde a água desce, sendo substituído o furo por onde a água sobe por uma mangueira apoiada no vidro do aquário.

Aquário com 6º vidro

Esse furo que a água sobe, e desce é um pouco complexo , que logo colocaremos a disposição de vocês exemplos para melhor visualização. E esse segundo aquário ainda é com sexto vidro mais com trava convencional, central. Normalmente utilizando a tampa, para que não ocorra nenhum acidente com seus peixes e a equipe de limpeza inclusive (camarões e caramujos) também podem acabar se acidentando pulando para fora do aquário.

6º Vidro ou Queda d'água


O furo maior é aonde a água escore para o SUMP e o maior o que a água volta para o aquário.



Em terceiro plano de vidro temos o aquário marinho com sexto vidro e com trava francesa. Essa trava francesa seria, uma trava com aproximadamente de 10 á 15cm, revestindo todo aquário. Sem travas centrais, apenas nas laterais.

Trava francesa

Então a iluminação fica numa incidência muito maior. Sem dizer na alta capacidade de troca de temperatura (com as travas francesas o aquário esquenta menos). Em baixo do aquário temos a opção de instalar um filtro, chamado Dry Wet (sendo dry de seco e wet de molhado). Ou então chamado SUMP, tendo uma grande função no aquário.

Sua função é esconder toda a aparelhagem de filtração da água que existe no aquário e também de suplementação da água. Então o SUMP, tem dimenções menores do que o aquário.

Localização do SUMP em baixo do aquário dentro do móvel.


Funcionando apenas para segunda e terceira opção dadas, aquários com sexto vidro.

O SUMP faz a diferença, pois tem vários níveis com quedas, e nesses casos é colocado a lã, carvão ativado e outros aditivos, para realizar a filtragem do aquário e manter a biologia marinha.

Dentro do SUMP também pode ser introduzido um SKIMMER, sendo um escumador, produz bolhas através de uma bomba submersa e e mistura com o ar da superfície, desembocando num cano de PVC. Fazendo uma super oxigenação, na área do cano de PVC , produzindo uma precipitação da amônia, que é forçada para fora, na tampa no SKIMMER há um copo que pode ser deslocado, jogando o produto dessa reação fora, nada mais é que água com alta concentração de amônia, periodicamente limpando esse módulo e colocando novamente no SKIMMER.


O SKIMMER é de grande ajuda, para que a água do aquário não fique com água muito saturada. No SUMP também podemos colocar bombas que fazem parte do Chiller: resfriador do aquário, composto por um motor, com utilidade de resfriamento (mesmo principio do motor de geladeira). Com uma serpentina no qual a água passa, em contato direto com a serpentina, ou por fora. Ajudando então ao resfriamento da água. Possui um termostato para ligar / desligar conforme a temperatura do aquário oscila.

Chiller


Altas concentrações de Cálcio resulta na formação de algas calcárias. São algas rosadas ou então denominadas Pink. Para isso é necessário suplementar o aquário com Cálcio, pode-se administrar manualmente todo dia ou uma vez por semana ou utilizar o Reator de Cálcio.

As algas Pink afirmam que o aquário esta totalmente estabilizado. Sendo o reator de cálcio que nada mais é do que um sistema que mantém o nível ideal de cálcio no aquário.

Para melhorar as bactérias boas para o aquário (nitrificantes e denitrificantes) existem os Bio-Glass ou Bio-Vidro (vidro-vivo) feitos a base de uma resina que cria minúsculos espaços capazez de armazenar corretamente as bactérias assim diminuindo as trocas parciais de água e melhorando a filtragem do Sump. (Produtos: Sera Siporax, Azoo Bio-Glass)



Vamos então começar com FISH ONLY, ou APENAS PEIXES: composto basicamente pelo substrato chamado de Alimeda ou então Aragonita, uma camada bem espessa de aproximandamente 15cm de altura. Para criar um ambiente ideal entre as colônias de bactérias, entre outras que irão ajudar a estabilizar os parâmetros da água. Quando essa camada biológica está maturada, são observadas algumas bolhas saindo do fundo do substrato, mostra as bactérias fazendo troca gasosa. Por isso para que as bactérias sobrevivam no aquário é necessário uma camada tão espessa.

Logo após, introduzimos as rochas vivas (rochas com algas calcáreas ou algas Pink), formando o relevo, grutas e tocas. Hoje em dia são colocas rochas artificias, tendo um custo bem acessível, de coloração marrom ou branca são ideais para introdução em aquários de água salgada. E as algas Pink são alojadas facilmente nessas rochas, deixando-as coradas.

Nós da Aquarius Hobby trabalhamos hoje com substratos importados como o SAMOA PINK, rochas artificiais e Aragonita.

As bombas submersas de circulação, ajudam para que o aquário mantenha uma circulação, que deve no mínimo dez vezes o número de litros do aquário.


Ex: Se o aquário tem 120 litros de água, o circulação deve ser de 1200litros/hora. Observando o filtros que serão utilizados.

Para aquários com peixes somente e sem o SUMP, pode ser utilizado o filtro CANISTER, um filtro similar a um balde com duas mangueiras uma para saída de água e a outra para entrada , sendo capaz de armazenar mídias filtrantes, carvão ativado, lã acrílica ou espuma, ou qualquer outro removedor de nutrientes e também algum tipo de suplemento. Então com o CANISTER existe um maior volume de água, circulante dentro o aquário, com uma super eficiência e durabilidade.


Ou então o filtro externo que seria o filtro Hang On, atualmente muitos filtros externos já vem com o SKIMMER. Mas recomendados colocar um SKIMMER de qualidade, podendo ser das marcas MORATO, MRC, SEACLONE, BOYU. Tendo diversos tipos de SKIMMER para seu aquário.

Filtro Hang-on


Iluminação, exige um pouco mais de cuidado para que haja a manutenção das algas Pink. Na iluminação deve conter lâmpadas brancas, lâmpadas azuis. As brancas devem possuir ser quantidade de iluminação, que seria uma unidade chamada de KELVIN, umas iluminam mais KELVIN , outras menos.

Quando mais KELVIN haver mais violeta se torna a lâmpada, e quanto menos KELVIN tiver a lâmpada se torna amarela.

Nós indicamos uma mistura, Exemplo:


Colocar lâmpadas de dez mil KELVIN e lâmpadas de vinte mil KELVIN, as de dez mil seriam as de luz do dia e as de vinte mil KELVIN seriam as actineas. Nas marcas Coralife, Marine-Glo, Geisman, URI entre outras.

Sendo indicado colocar quatro lâmpadas no aquário, para que haja uma boa iluminação.

Lâmpada Marine Glo


Atualmente existe uma ampla discussão sobre a utilização das lâmpadas. Aqui vamos descrever o utilidade da mais forte para a mais fraca: a HQI, a base de vapor metálico, que necessitam de uma instalação mais avançada e da tampa do móvel (modelo) com formato especial para que haja uma boa circulação de ar pois essa lâmpada esquenta muito. Em segunda opção temos a T5, que seria uma lâmpada convencional, de pequena espessura, porém com um amplo raio de incidência proporcionando a esta lâmpada maior iluminação em relação as outras inferiores a ela.

Em seguida temos a VHO, são lâmpadas optimizadas, que iluminam bastante. Porém convencionais, com reator próprio. Em quarta opção temos, a PL essas lâmpadas, tem encaixes diferentes, podendo ser com dois pinos ou quatro pinos. Compactadas, e florescentes. Muito utilizadas em aquários de água salgada ou mesmo de água doce. E em útima opção temos a T8 sendo as lâmpadas convencionais igual aquelas fluorescentes vendidas no supermercado, para aquários somente de peixes. Lembrando que o ideal seria colocar lâmpadas de qualidade para, trazer benefícios ao seu aquário e futuramente para seu bolso.

Na foto visualizamos duas lâmpadas HQI 10000 K e uma VHO Actinica de 30W


Indicamos também para seu aquário, a utilização de termostato. Para que no inverno não haja tanta variação de temperatura, influenciando na vida dos peixes. Não pelo fato de água estar gelada, mas sim pela oscilação de temperatura. Com o declínio da temperatura, causando uma queda imunológica nos peixes ocorrerá o surgimento de patologias como parasitas chamados de Ictio.

Temos então a água, composta somente pela água do mar ou pela mistura de água deionizada e sal sintético. Água deionizada nada mais é do que água, que são introduzidas em um galão com resina que absorvem íons e cátions da água assim tendo uma água pura sem ou com pouca quantidade de mineirais.

Para se obter uma água de melhor qualidade utiliza-se um filtro chamado REVERSO OSMOSE (RO), aonde a água é filtrada bem lentamente, nesse filtro contém redes partículas bem pequenas, aonde somente a água passa e as outras substâncias acabam ficando. Indicamos o sal sintéticos da RED SEA, TETRA, SERA, Tropic Marine, Coral Life e Prodac.

E então depois de montado seu aquário, é necessário que seja introduzido algumas aditivos para acelerar a biologia marinha, a introdução de colônias de bactérias da CYCLE, Stress Zyme, Sera e Prodibio. Que aumentam a população por todo aquário desde o cascalho (substrato), rochas e filtro.

Com isso em aproximandamente duas semanas pode começar a colocar camarões e caramujos, ajudando a consumir as primeiras algas que aparecem. Sendo comum uma coloração avermelhada e amarrozada, porém desaparecerendo rapidamente. Indicando a maturação do aquário.

Os peixes devem ser introduzidos a partir de 25/30 dias, lembrando que é necessário fazer alguns testes. Como o de densidade, pH Amônia e Nitrito, para controlar níveis da água.

Abaixo um video de um aquário Fish's Only



E um link de um site sobre campeonato de fotos sub.

http://www.beneaththesea.org/photo_contest_2009.html

Matéria postada por:

Thiago Cruz
Av. Dr. Armando Sales de Oliveira, 730 Taquaral - Campinas SP CEP. 13076-015 Fone: 19 32949055 ou 19 32940644
Nós confiamos em Deus.

One Response so far.

  1. Flavia says:

    Boa tarde,

    Gostaria de vender um aquario marinho, 250 litros, lampada HQI, 60 kilos de rochas vivas, skimer, bombas... será que há interesse?
    Tenho fotos..

    Preço R$2.500,00

    At,
    Flavia
    11 3915 3428
    11 6621 9026
    flavia_lim@hotmail.com